quinta-feira, 25 de junho de 2009

NEM TUDO ESTÁ PERDIDO...

Enquanto os líderes de governo e oposição pedem o afastamento do Presidente do Senado, José Sarney, como se isso bastasse para moralizar o Senado, e Obama, Presidente dos Estados Unidos da América (o que é bom para os EUA, não é bom para o Brasil), elogia o Presidente Lula, no Estado do Maranhão, vive-se a festa do Bumba-meu-Boi.
Lembro-me que, quando criança, lá em Bacabal, isso já vai para lá de meio século, eu tinha medo da música do Bumba-meu-Boi. Deitada em minha rede, ficava a imaginar a morte do boi, o feitiço do pajé e o renascimento do mesmo boi (essa é a lenda).
Recordo-me também que, quando eu chorava, ou por ter apanhado da minha mãe ou por alguma coisa que me havia sido negada, meu irmão, bem mais velho que eu, chegava perto de mim e, para me consolar, recitava uma parte da história do Chapeuzinho Vermelho que diz: _ Não chores, porém, criança, pois nem tudo está perdido, quando resta uma esperança...
Talvez seja dessa esperança que ainda se alimenta o brasileiro e sobretudo o maranhense que ainda tem alegria para brincar o seu Boi.

Nenhum comentário: