quarta-feira, 25 de maio de 2011

Sarney recebe Lula em Brasília para discutir reforma política

25/05/2011 - 12h30
Da Agência Senado
Em Brasília

O presidente do Senado, José Sarney, recebeu, na manhã desta quarta-feira (25), em sua residência privada em Brasília, o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva e os líderes da base do governo para discutir a reforma política. Essa reforma é uma iniciativa conduzida simultaneamente na Câmara e no Senado e foi definida como prioridade pela presidente Dilma Rousseff nas cerimônias de posse e de abertura do ano legislativo.

A reforma política e o interesse do ex-presidente Lula no assunto foi o tema mais mencionado pelos líderes que chegaram à reunião, apesar das perguntas dos jornalistas a respeito do caso Antonio Palocci. A questão mais indagada pela imprensa foi sobre as providências conduzidas pela oposição para instalar uma comissão parlamentar de inquérito a fim de a apurar possíveis irregularidades na evolução patrimonial do ministro-chefe da Casa Civil.

Além de Lula e do vice-presidente da República, Michel Temer, chegaram para a reunião na casa de Sarney os líderes partidários Antonio Carlos Valadares (PSB-SE), Gim Argelo (PTB-DF), Renan Calheiros (PMDB-AL), Francisco Dornelles (PP-RJ), Humberto Costa (PT-PE), Acir Gurgacz (PDT-RO), Magno Malta (PR-ES), Marcelo Crivella (PRB-RJ) e o líder do governo, Romero Jucá (PMDB-RR).

Na terça-feira (24), Lula se reuniu com senadores do PT na casa da senadora Gleisi Hoffmann (PT-PR). A reunião foi uma das muitas conduzidas por ele com foco na reforma política e na conjuntura vivida pela presidente Dilma Rousseff. O ex-presidente tem defendido pressa na modernização da legislação eleitoral, pregando mudanças como o financiamento público de campanhas e o fim das coligações partidárias. Ele considera essas duas mudanças fundamentais para fortalecer as agremiações partidárias.

Nenhum comentário: