quarta-feira, 10 de agosto de 2011

TEMPOS DE INCERTEZA



"Todas as noções que julgávamos sólidas, todos os valores da vida civilizada, tudo que sustentava a estabilidade das relações internacionais, tudo que gerava regularidade na economia, em uma palavra, tudo que tendia de modo tão feliz a limitar a incerteza do amanhã, tudo o que dava aos indivíduos e nações alguma confiança no amanhã. Tudo isso parece comprometido de forma muito negativa. Consultei todos os videntes que encontrei, de todo tipo, e só ouvi palavras vagas, profecias contraditórias, garantias curiosamente vazias."

Paul Valéry, "Historical Fact" (1932).



Nenhum comentário: