segunda-feira, 17 de junho de 2013

DEIXA EM PAZ MEU CORAÇÃO...

O brasileiro tem tomado conhecimento desde o governo do Presidente Lula, quando o então Deputado Roberto Jefferson, gritou a sua famosa frase - "sai daí Zé, senão você derruba o homem", de fatos tenebrosos, de corrupção, de dinheiro na cueca, e numa escalada a perder de vista, de destempero e autocracia implantados no Brasil. Mas o nosso povo é calmo, ordeiro, quieto, manso, trabalhador e demora a se dar conta da situação. Povo alegre, gosta de festa, da cervejinha, do deixa disso e do deixa para lá.

Existem pessoas e mais pessoas que dizem não se importar com a política, e que até votam em branco.

Só que um dia a casa cai, e a coisa muda. Há que saber até que ponto se pode oprimir uma nação, se pode esquecer dos anseios e da necessidade de um povo.

Isto está em qualquer manual de política a começar pelo Príncipe de Maquiavel.

Mas aí os políticos se arvoram donos da situação e arriscam.

Impedem as pessoas de se manifestarem.

Fazem conchavos com o legislativos, tentam impedir o judiciário. Querem cercear as ações do Ministério Público. Já que o povo não se sente dono do poder, pois o hipotecou aos seus representantes na Câmara e no Senado, não sabe como se defender e fica quieto. Daí o Poder Executivo, imaginando poder mais, aperta mais. Nesse momento, seria conveniente lembrar-se de uma música composta por Chico Buarque para uma peça de teatro na época da Ditadura Militar

A música do Chico diz de uma forma bem simples, uma verdade, talvez tão antiga quanto o homem na terra - "Deixa em paz meu coração, que ele é um pote até aqui de mágoa. E qualquer desatenção, faça não. Pode ser a gota d´água."

E as pessoas que estão observando criticam. Que povo é esse que não se manifestou nos momentos mais sérios e dignos de uma comoção pública e se revolva por conta de 20 centavos?

PODE SER que estes 20 centavos representem A GOTA D´ÁGUA


Nenhum comentário: